A terapia «LED» (luz emite díodo) é uma luz fria que atua como foto modulador e completa idealmente as outras técnicas de medicina estética (oxigenoterapia, ácido hialurónico toxina botulínica, mesoterapia, laser) para aumentar a microcirculação sanguínea.

É utilizada para hidratar e aclarar a pele, para reabrir os poros, para regeneração celular (cicatrizes) e para a penetração dos princípios ativos.

LED-rouge

therapie-led-pascale

De acordo com a cor e a sua intensidade, (vermelho, amarelo, verde, violeta) acalma a inflamação, acelera a cicatrização, combate o relaxamento cutâneo, hidrata e tonifica a pele, disfarça as estrias, estimula a imunidade, estimula os fibroblastos na fabricação de colágeno e elastina, trata a acne e as dermatoses, retarda a queda dos cabelos e ativa o seu crescimento densificando-os.

A terapia «LED» vermelha é especialmente conhecida pelo seu efeito anti-inflamatório após certos atos cirúrgicos como o transplante capilar.
As sessões duram entre 20 a 30 minutos sem qualquer risco de queimadura e são totalmente indolores e sem efeitos secundários.
Em média são necessárias entre 5 a 10 sessões (uma a duas por semana) para obter algum resultado, seguidas de um tratamento de manutenção de uma vez por mês para garantir a duração dos resultados obtidos.

As sessões de terapia «LED» são supervisionadas por um médico especialista em dermatologia, medicina estética, tricologia e cosmetologia.